Home / Parques Nacionais / Parque Nacional do Araguaia

Parque Nacional do Araguaia

NOME DA UNIDADE: Parque Nacional do Araguaia

BIOMA: Cerrado

ÁREA: 555.524,44 hectares

Objetivos da UC: Os objetivos específicos do Parque Nacional do Araguaia, os quais foram definidos em conjunto com os pesquisadores que participaram da Avaliação Ecológica Rápida são apresentados a seguir: 1. Proteger amostra representativa dos ecossistemas de transição entre o Cerrado e a Floresta Amazônica; 2. Proteger a área incluída como sítio RAMSAR (Áreas Úmidas de Importância Internacional, para proteção de aves migratórias que contém amostras de ecossistemas aquáticos, tais como: rios, lagoas marginais, lagos, ipucas, campos e florestas inundáveis); 3. Proteger os lagos internos que servem como berçários de peixes e outros organismos aquáticos, tais como: Lago Preto, Lago da Mata e do Rufino; 4. Proteger áreas de “terras altas”;, utilizadas como refúgio da fauna regional nos períodos de inundação, como a Mata do Mamão; 5. Proteger espécies endêmicas, raras, ameaçadas ou em perigo de extinção existentes na área, em especial: o pirarucu (Arapaimas giga), o cervo-do-pantanal (Blastocerus dichotomus) e espécies de peixes anuais, bem como aves; 6. Conservar recursos genéticos de flora e fauna do Parque; 7. Proteger as bacias e subbacias do Parque, especialmente as nascentes dos rios internos, tais como rio Mercês, rio Riozinho e rio Ariari; 8. Propiciar o monitoramento dos ecossistemas do Parque e seu entorno a partir de indicadores sócio-ambientais; 9. Promover e fomentar a pesquisa científica dos recursos conforme prioridade da UC; 10. Proteger sítios arqueológicos e históricos culturais; 11. Garantir a conservação dos recursos naturais, promovendo a interação com as populações indígenas, que localizam-se na Área Indígena do Araguaia; 12. Propiciar a educação ambiental visando melhor apreciação e compreensão pelo público dos processo e cológicos que ocorrem no Parque e entorno; 13. Promover a visitação ordenada, de modo a oferecer oportunidades recreativas e interpretativas; 14. Estimular o desenvolvimento regional com base nas práticas de conservação.
Principais ameaças: 1. Incêndios florestais constantes; 2. Uso indevido dos recursos naturais; 3. Proximidade dos projetos de irrigação; 4. Deficiência de recursos humanos para ações de fiscalização, prevenção e combate a incêndios florestais, ordenamento no uso de recursos naturais e do turismo e implementação do Conselho Consultivo; 5. Conhecimento insuficiente sobre a diversidade biológica.

Municípios: Lagoa da Confusão (TO), Pium (TO)

DIPLOMA LEGAL DE CRIAÇÃO: Dec nº 47.570 de 31 de dezembro de 1959

COORDENAÇÃO REGIONAL: CR5 – Parnaíba/PI

ENDEREÇO: Av. Tancredo Neves, número 4994, Setor Primavera, Pium – TO. CEP 77.570-000

TELEFONE: (63) 3368-1396/ 3368-1566