Home / Cidades do Brasil / Ouro Preto
Foto: Divulgação / EMBRATUR

Ouro Preto

Ouro Preto é detentor do título de Patrimônio Mundial da UNESCO, desde os anos 1980, graças ao conjunto que compreende seu Centro Histórico. Desta forma, tal atrativo tem grande capacidade de atração de turistas nacionais e internacionais durante todo o ano.

A cidade, símbolo do auge no ciclo do ouro no Brasil, preserva belos casarões e igrejas capazes de encantar os turistas das mais variadas crenças e idades. São essas obras que ajudam a contar a história do local que já foi chamado de Vila Rica em razão da grande quantidade de ouro retirada das minas da cidade. O principal evento programado do destino é o Carnaval, que é
um dos carnavais de rua mais tradicionais do país, em que os turistas, em sua maioria jovens, ficam hospedados em repúblicas estudantis.

■ PONTOS TURÍSTICOS

Igreja de São Francisco de Assis
A igreja projetada por Antônio Francisco de Souza, o Aleijadinho, é um dos cartões postais da cidade. Construída já no período do declínio da extração de ouro, a igreja encanta os visitantes pela beleza das esculturas, do altar e dos detalhes entalhados no interior da capela. Um dos grandes destaques do local é o teto, que ostenta o primoroso trabalho do Mestre Ataíde, o maior nome da pintura colonial brasileira. Tantas belezas garantiram à igreja, em 2009, o título de uma das sete maravilhas de origem portuguesa do mundo. Na parte exterior da igreja é possível ainda apreciar o artesanato típico na Feira da Pedra Sabão que comercializa os mais variados objetos no material característico da cidade e que dá nome à feira.

Museu da Inconfidência
Na imponente construção de dois andares localizada na Praça Tiradentes, é possível apreciar um acervo de mais de quatro mil objetos que retratam hábitos da época e momentos históricos como a Inconfidência Mineira. Em uma das salas no piso inferior, denominado de Panteão, estão expostos os restos mortais de alguns dos inconfidentes, além de uma placa central que homenageia todos os envolvidos no movimento.

Parque Natural Municipal Cachoeira das Andorinhas
Localizado a menos de 20 minutos do centro histórico da cidade, pode ser uma boa opção de passeio. No local é possível visitar belas cachoeiras, fazer trilhas e observar a vista panorâmica do parque com destaque para a pedra do Jacaré, patrimônio natural da cidade que atrai visitantes pela semelhança da rocha com o réptil.

Parque Estadual do Itacolomi
Localizado nos municípios de Mariana e Ouro Preto, na região sudeste de Minas Gerais, a 100 quilômetros da Capital. A unidade de conservação abriga o Pico do Itacolomi. Com 1.772 metros de altitude, era ponto de referência para os antigos viajantes da Estrada Real que o chamava de “Farol dos Bandeirantes”. A palavra Itacolomi vem da língua tupi e significa “pedra menina”. Os índios viam o pico como o “filhote” da montanha ou “pedra mãe”.

O Parque possui uma área de 7.543 hectares de matas onde predominam as quaresmeiras e candeias ao longo dos rios e córregos, destes aproximadamente 73% localiza-se no município de Mariana e o restante no município de Ouro Preto.

■ COMO CHEGAR

De Carro:
n/d

De Ônibus:
Existência de linhas de ônibus intermunicipais e interestaduais regulares que atendam ao destino, cujas principais ligações são com os municípios de Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília e Vitória.

De Avião:
n/d

■ MAPA DA REGIÃO