Home / Alagoas / Penedo
Foto: Divulgação

Penedo

Penedo é um município brasileiro do estado de Alagoas localizado ao sul do estado, às margens do Rio São Francisco, na divisa com o estado de Sergipe. Sua população estimada em 2004 era de 65.429 habitantes.

A cidade de Penedo possui um centro histórico de significativa importância, formado por conjuntos de logradouros públicos e edificações. Sua paisagem edificada inclui alguns dos mais importantes bens da arquitetura religiosa do Nordeste – o Convento e Igreja Santa Maria dos Anjos e as igrejas de Nossa Sra. da Corrente e de São Gonçalo Garcia – e exemplares da arquitetura civil moderna, como o Hotel São Francisco, dos anos 1960. Essa diversidade foi mantida, rendendo a Penedo o tombamento de seu conjunto histórico e paisagístico pelo Iphan, em 1996.

Penedo ergue-se imponente sobre um rochedo às margens do rio São Francisco e conserva um patrimônio artístico e cultural de grande valor, tendo sido palco de importantes acontecimentos do Brasil Colonial. As marcas dos colonizadores portugueses, holandeses e dos missionários franciscanos, podem ser constatadas na arquitetura barroca de conventos e igrejas.

■ PONTOS TURÍSTICOS

Convento e Igreja Santa Maria dos Anjos (Convento dos Franciscanos, Residência Maria dos Anjos)
O primeiro convento, fundado em 1661, atendeu aos pedidos dos habitantes da vila. O novo convento começou a ser construído em 1682 e as obras se prolongaram até 1694. No século XVIII, o Convento teve sua arquitetura bastante enriquecida. Os adornos em pedra tem motivos fitomórficos, conchóides e de figuras humanas atarracadas e infantis que criam uma fantasia barroca muito criativa. O exterior do convento é sóbrio seguindo a linha das demais casas franciscanas do Brasil. O interior possui talha do século XVIII, em estilo rococó, onde se conserva a tradição da talha barroca do norte de Portugal.

Igreja de São Gonçalo Garcia (Igreja de São Gonçalo Garcia dos Homens Pardos)
A capela primitiva foi construída pelos ermitões e a atual começou a ser construída, em 1758, quando a irmandade se organizou. A fachada e o interior apresentam excelente trabalho de cantaria. As torres foram alteradas e comprometeram o equilíbrio original do monumento, os retábulos neoclássicos possuem talha semelhante aos de Salvador. O lavabo da sacristia, de pedra calcária, apresenta desenho rococó e carrancas usadas nos pedestais das ombreiras da porta principal como nos retábulos protobarrocos espanhóis. O frontispício é trabalhado em pedra com motivos barrocos, os cortes de pequena profundidade lembram a ourivesaria. O altar-mor é em estilo barroco, lateralmente ao arco-cruzeiro, os dois altares de canto são em estilo neoclássico e os quatro altares colaterais são semelhantes à talha neoclássica de Salvador.

Igreja de Nossa Senhora da Corrente (Igreja dos Lemos)
Com um exterior típico das igrejas da época, chama a atenção pela unidade de decoração do seu interior. Destacam-se os retábulos em estilo neoclássico, de influência baiana e decorados à imitação de mármore, a pintura do forro da capela-mor em tons vermelhos e azuis escuros, os púlpitos finamente entalhados, e a azulejaria de fabricação lisboeta de mesmo artista que fez os azulejos do antigo convento dos Loios, de Refogos do Lima, sendo dez painéis, oito no corpo da igreja e dois na capela-mor.

■ COMO CHEGAR

De Carro:
A partir da cidade do Rio de Janeiro: BR-116/ BR-101, A partir da cidade de São Paulo: BR-116/BR-101, A partir de Brasília: BR-020/BR-116/BR-101.

De Ônibus:
O Terminal Rodoviário fica na Av. Duque de Caxias, Centro. As seguintes companhias operam nesta rodoviária; Bomfim e Real Alagoas.

De Avião:
Os aeroportos mais próximos são os de Maceió (MCZ) e Aracaju (AJU).

■ MAPA DA REGIÃO