Home / Destinos pelo Brasil / Serra Negra

Serra Negra

Encravada na Serra da Mantiqueira a 150 km de São Paulo, em uma região de 927 metros de altitude com picos de até 1.300 metros está a Estância Turística Hidromineral de Serra Negra.

Rodeada por montanhas da Serra da Mantiqueira, a vegetação é exuberante, compondo um cenário de extraordinária beleza natural. Em meio ao Circuito das Águas Paulista, nossa cidade possui um ambiente seguro e agradável. Aqui a tranquilidade e qualidade de vida estão presentes por meio da boa estrutura turística. Por possuir uma das maiores redes hoteleiras da região, Serra Negra pode abrigar milhares de pessoas que fazem a população de visitantes aumentar durante as férias e feriados.

Fundada em 23 de Setembro de 1828 por Lourenço Franco de Oliveira, Serra Negra só começou a ficar nacionalmente conhecida na década de 40, quando suas águas começaram a ser usadas para tratamento de saúde.

De lá para cá, sua vocação turística natural como Estância Hidromineral começou a atrair turistas de todo o Brasil, inclusive do exterior. Sua população residente é de atualmente 26 mil habitantes, número que chega a 45 mil em épocas de temporada e de feriados. Podemos continuar pelo turismo rural nas diversas propriedades que desenvolvem o plantio de café e cultivo de produtos orgânicos e também na fabricação de laticínios, vinhos e cachaças que é tradicionalmente conhecida como a rota do Queijo e Vinho, além das cachoeiras e as mais belas paisagens naturais.

O seu maior chamativo é a reconhecida diversidade de opção de compras nas ruas da cidade, como um “shopping a céu aberto” que oferecem variedades de produtos em lã, couro, linha, malha, artesanatos, sapatos, bolsas, cosméticos, além de restaurantes e bares aconchegantes para curtir o clima da montanha. Sendo válido destacar que o comércio local fica aberto de segunda a segunda-feira, das 9h às 18h, inclusive feriados, sendo um dos poucos na região aberto para atender todo e qualquer turista que venha nos visitar. O roteiro tem como característica especial o lazer de descanso, turismo rural e aventura, compras e gastronomia, voltado para família, namorados e amantes da natureza.

O município faz parte do Circuito das Águas Paulista que é constituído por Águas de Lindóia, Amparo, Holambra, Jaguariúna, Lindóia, Monte Alegre do Sul, Pedreira, Serra Negra e Socorro. Os municípios que o integram produzem juntos 55% da água mineral consumida em todo o País. O Clima é sempre agradável, com temperaturas amenas.

 

■ PONTOS TURÍSTICOS

Teleférico
Proporciona um passeio áereo maravilhoso, panorâmico de inesquecível beleza, encanto, emoção e segurança, com 1.500m (comprimento) com 50 cadeirinhas.

 

Cristo Redentor
Inaugurado em 06 de Julho de 1952, no alto do Pico do Fonseca. Localizado a 1.080 m de altura, o monumento possui 18 m, sendo 6 m de pedestal e 12 m de estátua. O acesso se dá pelo teleférico ou por veículo através da rua Antonio Jorge José. No local há um mirante e uma lanchonete.

Trenzinho Tia Linda e Maria Fumaça
Veículo de tradicional city tour pela cidade, seus roteiros se diferem pela inclusão do Parque Fonte Santo Agostinho, Parque Fonte São Luiz, Mercado Cultural. A saída ocorre da Praça João Pessoa e Praça João Zelante.

Centro de Convenções Circuito das Águas
Com 15 mil m² de área construída, possui três auditórios que comportam 1.140, 180 e 80 pessoas, três salas de apoio com capacidade para 138 pessoas/ cada e um hall de 4 mil m². Cercado de exuberante paisagem, possui área de exposição externa e amplo estacionamento. O espaço é utilizado durante todo o ano para a realização de congressos, feiras e os mais diversos tipos de eventos de cultura e lazer.

Conjunto Aquático Municipal
Constituído por uma piscina com mais de 1.000m3 e piscinas menores, duchas, vestiários, lanchonete, pista de patinação, área verde e fonte Menino Jesus de Praga. Localizado à rua Antonio Jorge José (centro).

Lago dos Macaquinhos
Apresenta área para piqueniques, pesqueiro, aluguel de cavalos, pedalinhos, piscinas, playground, chalés e uma ilha no centro do lago com criação de macaquinhos originários do local. Acesso pela Rodovia Serra Negra Amparo, a 6 Km do centro da cidade.

Alto da Serra
Ponto mais alto da região com 1.310m, onde é possível avistar mais de 10 cidades da região, tendo também uma das mais belas vistas. O acesso é feito pela Rua 14 de julho.

Parque e Represa Dr. Jovino Silveira
Estação de tratamento de água. O visitante encontra ampla área verde, quiosques para piqueniques e churrascos, viveiro de pássaros, sanitários, lanchonete, pista de bocha, playground e a fonte Nossa Senhora de Lourdes. Acesso pela Rodovia Serra Negra – Amparo, Km 146.

Recinto Municipal de Feiras e Exposições de Serra Negra
Local onde se realizam importantes eventos, como a Festa do Peão de Boiadeiro todos os anos no mês de setembro.

Parque Fonte Santo Agostinho
Bosque de vegetação nativa, com as fontes Santo Agostinho e Santa Luzia, lago e playground. Pode ser visitado por meio de trenzinhos que saem da Praça João Pessoa.

Centro Esportivo
Localizado no final da avenida Juca Preto, em frente o recinto de rodeio da Equipe Casco de Ouro, este conjunto esportivo em formato de um disco voador já foi palco de treinamento de grandes equipes de basquete e vôlei, inclusive das seleções brasileiras. Vale a pena conhecê-lo.

Comércio Local
O comércio de Serra Negra está concentrado nas ruas centrais da cidade: Ruas Coronel Pedro Penteado, Sete de Setembro, nas ruas transversais e em diversas galerias. Apresenta uma enorme variedade de produtos em lã e linha (malharias), vestuário e acessórios em couro, enxovais, presentes e artesanatos diversos.

 

■ COMO CHEGAR

De Carro:

De São Paulo para Serra Negra, pela rodovia Anhanguera até o km 62 depois de Jundiaí, no trevo de Itú – Itatiba, seguindo à direita até Itatiba, Morungaba, Amparo e Serra Negra. (152 Km.)

De São Paulo para Serra Negra, pela rodovia Fernão Dias, via Mairiporã, Atibaia, Bragança Paulista, Socorro, Lindóia e Serra Negra. (175 Km.), ou ainda de Atibaia pela rodovia D. Pedro I, até Itatiba, Morungaba, Amparo e Serra Negra.

De Campinas a Serra Negra, pela rodovia SP – 340, via Jaguariuna (SP – 95), Pedreira, Arcadas, Amparo (SP – 340) e Serra Negra. (72 Km.)

Do Rio de Janeiro a Serra Negra, pela rodovia Presidente Dutra até Jacareí no Km. 169, seguir à direita pela rodovia D. Pedro I até o Km 106, seguir à direita via Morungaba, Amparo e Serra Negra (511 Km).

De Belo Horizonte para Serra Negra, via Itaquara, Oliveiras, Lavras, Três Corações, Pouso Alegre, Ouro Fino, Monte Sião, Águas de Lindóia, Lindóia e Serra Negra. (499 Km.)

De Curitiba para Serra Negra, pela Br 101 até São Paulo 408 Km., e até Serra Negra. (552 Km.)

De Ônibus:
ND

De Avião:
ND

■ MAPA DA REGIÃO 

2 comentários

  1. E7YLCt Very good written Very good written article. It will be beneficial to everyone who employess it, as well as myself.

  2. zwZwLc This is really interesting, You are a very skilled blogger. I have joined your feed and look forward to seeking more of your fantastic post. Also, I have shared your website in my social networks!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.