Home / Destinos pelo Brasil / Santa Teresa

Santa Teresa

O municipio foi tombado recentemente com o título de Patrimônio Histórico Nacional pelo pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Santa Tereza, baseia-se economicamente na agricultura, com destaque no cultivo das parreiras, hortifrutigranjeiros, na criação de suínos, móveis para exportação, metalurgia, plásticos, agroindústrias e artesanato. O turista pode usufruir da hospitalidade dos empreendimentos, visitação, degustação e varejo.

O solo do Vale do Taquari é considerado um dos mais férteis do mundo, propício para o cultivo da cana-de-açúcar, com o qual é elaborada a cachaça desde os primórdios de sua ocupação.

Localizada às margens do Rio Taquari e do Arroio Marrecão, Santa Tereza conta cerca de 570 moradores que habitam as 250 casas do núcleo urbano. Os outros quase 1,5 mil habitantes moram na área rural. A partir de 1887, os lotes foram distribuídos entre os colonos. Desde essa época a cidade destaca-se pela diversidade e a alta produtividade da agricultura desenvolvida em terras consideradas as mais férteis do estado. Ainda hoje a comunidade tira o sustento da lavoura. Entre os núcleos gaúchos, Santa Tereza é o mais singelo e também o mais íntegro do ponto de vista da ocupação urbana, já que mantém quase intactas as características originais do seu traçado. A arquitetura urbana das casas e sobrados mais antigos de Santa Tereza, implementada a partir do início do século XX, possui influencia neoclássica e eclética.

■ PONTOS TURÍSTICOS

Prefeitura Municipal de Santo Ângelo
Construção em estilo eclético com forte influência neoclássica, tombado como Patrimônio Histórico-Cultural do município em 1994, em seu interior encontram-se além do Gabinete do Prefeito e várias secretarias, o Acervo Tupambaé, que é uma exposição de telas do Artista Plástico Tadeu Martins, que retratam aspectos da cultura indígena histórica e atual, inaugurado em 1995.

O prédio da prefeitura municipal de santo ângelo foi inaugurado em 1928. Por sua imporância Histórica e características arquitetônicas representativas de uma época, mereceu tombamento oficial feito pela lei municipal nº 1.789, de 12 de abril de 1994.

A iniciativa de prover o interior do prédio da prefeitura com um acervo artístico que retratasse episódios históricos –culturais partiu do prefeito Dr. Adroaldo Mousquer Loureiro. O objetivo de tal acervo é dotar o local de obras de arte que sirvam como um chamamento à consciência de preservação do patrimônio cultural, estímulo às manifestações artísticas e resgate dos valores históricos.

Para a execução do trabalho preliminar, foi convocado o artista plástico Tadeu Martins, ao qual foram sugeridas as diretrizes. Imediatamente, Tadeu Martins iniciou a tarefa valendo-se da colaboração do historiador Mário Simon para a pesquisa histórica.

A inauguração e a instalação do acervo, em 19 de abril de 1994, consta de oito telas de Tadeu Martins, todas nas dimensões de 2,20cm x 1,60cm. os painéis, neste primeiro momento, traduzem temas missioneiros ligados à redução de Santo Ângelo Custódio.

Prédio da Antiga Estação Ferroviária
Prédio de dois pisos de estilo colonial inglês, servindo até 1968 como Estação de embarque e desembarque de passageiros da Rede Ferroviária Federal S.A.. Contém a gare de embarque, conserva a estrutura original, possui ainda, na sua parte posterior caixa d’água em ferro de fabricação belga. É composta de quatro salas e saguão de entrada, conservando os guichês de vendas de passagens no primeiro piso. no segundo piso há duas salas , seu piso é original no saguão e plataforma de embarque. Banheiro e cozinha anexados posteriormente, no mesmo estilo de construção. Sua construção é obra do Engenheiro Gildo Castelarim . É o local de onde saiu a Coluna Prestes em 1924.

Tombada como Patrimônio pela Lei nº 825 de 19/11/1984, em bom estado de conservação. O local abriga o Memorial Coluna Prestes, primeiro no país à homenagear a Grande Marcha, cujas primeiras reuniões aconteceram neste local, em 1924. Junto ao prédio da antiga estação ferroviária localiza-se o Museu Ferroviário e o Monumento A Coluna Invicta, do artista carioca Maurício Bentes. uma escultura em ferro simbolizando sua TRAJETÓRIA do sul a norte do país.

Teatro Municipal Antônio Sepp Centro Municipal de Cultura Santo
O Teatro Municipal Antônio Sepp tem capacidade para 800 pessoas e em conjunto com o Centro Municipal de Cultura Santo Ângelo Custódio, desenvolvem sistematicamente diversos cursos, palestras, oficinas, momentos de lazer e expressão artística.

O Centro Municipal de Cultura, conta também com excelente e galeria de artes e espaços polivalentes para congressos, seminários e eventos em geral. No interior do Centro Municipal de Cultura encontram-se as pinturas murais da artista plástica Dirce Pippi em homenagem ao “Tropeirismo” e às “Tradições Gaúchas”.Abriga atualmente o Arquivo Histórico Municipal Onde Ficam Armazenados os documentos e as fotografias referentes a dados históricos de nossa cidade.

Museu Municipal Dr. José Olavo Machado
Prédio em estilo colonial, fachada com tendências neoclássicas, por longos anos foi moradia do Dr. Ulisses Rodrigues, intendente do município por dois períodos, de 1928 à 1930 e 1930 à 1935. Posteriormente veio a ser adquirido pela Prefeitura. Abriga atualmente o Museu Municipal e , seis salas são originais e uma anexada recentemente. Três salas de acervo museológico, sala de exposição, reserva técnica,e sala da coordenação.

O acervo do Museu preserva evidências das várias etapas da história regional, desde material arquelógico do período anterior à chegada dos jesuítas até fases da história local mais recente, possui ainda uma maquete da Redução de Santo Ângelo Custódio. O Museu desenvolve atividades e eventos que visam maior valorização e preservação do Patrimônio Histórico e Cultural do Município.

Catedral Angelopolitana
Construída no mesmo local da antiga Igreja da Redução de Santo Ângelo Custódio, de estilo neoclássico / barroco missioneiro, réplica aproximada da Igreja do antigo povo de São Miguel Arcanjo, construída em pedra grês e tijolos , com pórtico encimado por sete imagens em pedra representando os padroeiros dos Sete Povos das Missões, seu interior é composto por três naves separadas por arcadas e abóbodas.

Guarda uma imagem em madeira do Cristo Morto, esculpida por artista guarani na Redução de Santo Ângelo Custódio a partir de 1720. Em outubro de 1991, foi iniciada a pintura da Saga Missioneira, obra do artista santo-angelense Tadeu Martins, painel que retrata a conversão dos indígenas à fé católica.

Cascata do Comandai
Possui espaço para lazer e Camping, uma pequena trilha ecológica, bar e espaço para churrasqueiras. A cascata tem 19 metros de altura e 40 metros de comprimento na base inferior e 33 metros na base superior.

■ COMO CHEGAR

De Carro:
Do sudeste da cidade do Rio de Janeiro via BR-116 com 20 h 18 min (1.525,2 km)

 

■ MAPA DA REGIÃO