Trem do Barão é a nova atração turística em Vassouras

Durante o passeio, visitantes conhecem um pouco mais da história da cidade

O município de Vassouras conta, a partir de agora, com mais um componente para incrementar o turismo do Vale do Café. Trata-se do Trem do Barão. A ativação do trenzinho, que é um pequeno ônibus estilizado, faz parte de uma iniciativa conjunta dos hotéis, fazendas e comércio da cidade. Seu trajeto inclui o centro histórico, passando pela Praça Barão de Campo Belo, casarios antigos e pelo Museu Casa da Hera, com ponto de parada em hotéis e demais pontos turísticos para o embarque de passageiros.

Para Nilo Sergio Felix, secretário de estado de Turismo do Rio de Janeiro, a iniciativa vai atrair mais visitantes e movimentar a região.

– Visitar Vassouras é passear por um importante período da história do Brasil. Suas construções históricas da época dos Barões do Café, por si só, já são um convite aos turistas. A estação ferroviária tem uma bela arquitetura e já era um ponto de interesse turístico. Agregar a esse atrativo um passeio em um trem estilizado, que percorre a cidade, mostra que a iniciativa privada da cidade sabe da potencialidade e importância do turismo para o desenvolvimento da região.

A Estação Ferroviária de Vassouras, que é mantida pela Fusve (Fundação Educacional Severino Sombra), será o ponto de partida e chegada do trenzinho turístico. Ela completa 102 anos desde sua inauguração, em 1914, pelo então presidente Marechal Hermes da Fonseca e funcionou até 1970. O trem foi o principal meio de transporte entre o Centro-Sul do estado e a capital, responsável pela ida e vinda dos moradores e barões do café até o Rio de Janeiro.

A inauguração do trem como atrativo turístico é representativa para diversas gerações – aquelas que vivenciaram o período da ferrovia e as que não presenciaram, mas se encantam com as histórias. Agora fazendo parte da programação semanal do município, o Trem do Barão funciona aos sábados e domingos, com um passeio de 1h de duração. Aos sábados a saída é às 15h, e, aos domingos, às 11h da manhã, sempre saindo da Estação Ferroviária, localizada na Praça Martinho Nóbrega, nº 40. O ingresso custa R$ 10,00.

Após o passeio os visitantes podem visitar o Memorial do Trem, que é mantido pela prefeitura e fica localizado no interior na antiga Estação, com exemplos de equipamentos e peças usadas pelos ferroviários e fotografias antigas, que irão permitir observar como era a cidade e as pessoas durante o período em que o trem funcionava.

Check Also

Pedalar por praias amplas e desertas atrai turistas ao Circuito de Lagamar

Foto: Aline Barros / BrasilTurismo.com Mata Atlântica, passeios por ilhas e cultura de comunidades Quilombola …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *