Home / Notícias / Curitiba realiza 24º Salão de Turismo do Paraná

Curitiba realiza 24º Salão de Turismo do Paraná

O evento anual é a principal exposição de produtos e serviços turísticos do estado e reúne todas as regiões turísticas paranaenses na capital

 

A posição estratégica de Curitiba como porta de entrada de países do Mercosul favorece a realização de eventos geradores de fluxo de turismo e negócios. A partir desta quinta-feira (26) até o próximo sábado, o Salão de Turismo Paranaense, em sua 24ª edição, vai reunir cerca de 3 mil profissionais e gestores de turismo na capital paranaense. O evento está voltado principalmente para os agentes de viagem, um dos elos mais importantes da cadeia dos serviços turísticos.

O salão contará com 300 expositores no espaço ExpoUnimed. Entre os segmentos representados na exposição de produtos e serviços turísticos estão operadoras de turismo, meios de hospedagem, companhias aéreas, destinos nacionais e internacionais, locadoras de veículos, agências de câmbio, companhias de cruzeiros marítimos, seguradoras especializadas e órgãos oficiais do turismo.

Além da feira de turismo, a programação inclui palestras e rodadas de negócios em ambiente propício para capacitação dos profissionais que buscam mais subsídios para melhorar seu desempenho nos negócios. São palestras e painéis sobre vendas, tecnologia, gestão e destinos.

Durante o evento será realizada a 14ª Mostra das Regiões Turísticas do Paraná. Será uma oportunidade para que os destinos regionais apresentem suas potencialidades e diversidade de roteiros e atrativos históricos, culturais, gastronômicos, de natureza e aventura. Um dos destaques será o espaço dedicado à apresentação de produtos turísticos voltados ao segmento do turismo religioso. Também será realizado o Fórum Nacional de Turismo Rodoviário.

ARTESANATO – O Paraná tem no artesanato um diferencial rico e diversificado com técnicas produtivas e traços de várias etnias, principalmente dos imigrantes alemães, poloneses, italianos e portugueses. Eles tinham suas atividades relacionadas ao trabalho rural, carpintaria, marcenaria, forja, moagem e olaria. Além das matérias-primas que a natureza oferecia em abundância, foram implementadas novas técnicas aplicadas com arte e habilidade para criar produtos e gerar o sustento. A culinária típica reflete a diversidade de produtos das colônias.

Fonte: MTUR