Home / Notícias / Aviesp chega a sua 40ª edição em Campinas (SP)

Aviesp chega a sua 40ª edição em Campinas (SP)

A cidade de Campinas (SP) sedia, a partir desta quinta-feira (12) a 40ª AVIESP: Expo de Negócios em Turismo. O Ministério do Turismo estará presente com um espaço cedido aos estados de Alagoas, Amazonas, Espirito Santo, Mato Grosso, Minas Gerais e Rio de Janeiro para a realização de palestras e capacitação dos agentes de viagem sobre os destinos. Os estados participantes foram selecionados mediante apresentação de projetos para o MTur. O evento vai até sexta-feira (13) no Expo Center Dom Pedro.

O Coordenador de Eventos Turísticos Institucionais do Ministério do Turismo, Caio Martins Franco, destacou a importância da feira de negócios para o turismo brasileiro. “A AVIESP é um evento que contempla oportunidades de negócios e de capacitação para os profissionais de turismo, sendo o agente de viagens o protagonista deste tradicional encontro do trade turístico”.

O evento promovido pela Associação das Agências de Viagem Independentes do Interior do Estado de São Paulo (Aviesp) reforça o interior de São Paulo como o segundo mercado emissor de turistas mais disputados do país, depois da capital. A presença da maioria dos estados brasileiros promovendo seus destinos na AVIESP se reflete em negócios.

O fluxo turístico do interior de São Paulo para o Rio Grande do Norte, por exemplo, representa 25% da ocupação da rede hoteleira de Natal e outros destinos potiguares como Pipa e São Miguel do Gostoso. “Por isso é importante não só a presença, mas uma participação impactante neste evento para que possamos aumentar esse fluxo turístico para nosso Estado”, salientou a subsecretária estadual de Turismo, Solange Portela.

A expectativa dos organizadores é de que seis mil profissionais do turismo participem do evento. A 40ª Aviesp conta com 30 operadoras e 20 destinos inscritos, além dos hotéis, receptivos, companhias aéreas, empresas de turismo e de tecnologia. O evento também vai explorar nichos de mercado como conhecimento e conexão com os públicos LGBT e da terceira idade, considerados alavancas de vendas no mercado do turismo doméstico brasileiro.

Fonte: EBC Empresa Brasil de Comunicação